quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Vida

Vida, quando tudo mudar vamos olhar para trás e rir de tudo. Não é bem assim que acontece, mas vai ser assim que vamos fazer. Tenho mó vontade de fazer acontecer, mas fazer o que só tempo vai nos dizer. Sem apressar, sem pressão, tudo vai acontecer na calma.

Tem que viver a parada tem que se esforçar. Não dá mais pra encher o saco com isso, mas vamos na moral com os fatos. Ah vida vc tá ai e eu aki, depois vc vai vim, vai chegar, vai ficar e vai embora assim do nada, pra depois vim mó deprê no amanhã vou querer correr mais e ai como fica. Tenho que me desliga, mas me ligar em que? Vou fazer meias dúzias de coisas pra vê se as vontades dela vira as minhas.

Mó barato esse bagulho de vida to entrando pela porta da fente onde vc sempre esteve. Nunca te vi por aki, mas sempre esteve. O mundo é pequeno e da muitas voltas. Vou ate ali tirar um cochilo, pensar um pouco mais na minha vida, vê se as coisas estão bem, se ela precisa de alguma coisa. To sem dormir também mas acontece, não durmo mais pensando na minha vida.

4 comentários:

Bibi disse...

Viver sem pensar no dia de amanhã!!
\o/
Parabens!!!
:D

carolina bruna disse...

vc se preocupa com sua vida ainda, cuida só da sua saude pq da sua vida sempre vai ter um cuidando... eu mesma, como sua leitora já faço isso, acompanho seu passo a passo, eu sei q apesar de vc ser meio reclamão tdu vai bem! rs
bjo

Martinha disse...

Adorei esta parte:

"Sem apressar, sem pressão, tudo vai acontecer na calma."

=]

Martinha disse...

Ah!

Adorei esse texto por motivos muito especias!!!


Bju Bju